Diferenças culturais entre Londres e Nova York


Descubra qual destino tem mais a ver com você!

O sotaque não é a única coisa que difere os londrinos dos nova iorquinos. Nem o fuso horário.

É fato que as duas megalópoles estão entre os destinos mais procurados por turistas ao redor do mundo. Só no ano passado, a Terra da Rainha recebeu quase 21 milhões de visitantes, enquanto 13,5 milhões de pessoas passaram pela Big Apple (Fonte: g1.globo.com).

Caso esteja na dúvida de qual cidade escolher para sua próxima viagem, é bom conhecer um pouco das caractérísticas de cada uma primeiro.


A cidade que nunca dorme

Tenho certeza de que você já viu muito de Nova York devido ao grande número de filmes, séries de TV, comerciais e videoclipes que são constantemente bombardeados em nossa direção pela indústria cultural norte-americana.

O estilo de vida de um New Yorker é dinâmico e marcado por um ritmo frenético. Não é a toa que a cidade é conhecida como “aquela que nunca dorme”. Em Nova York, muitos bares, restaurantes e até algumas lojas ficam abertos até tarde em dias normais. Inclusive, existem tantos lugares para comer na Big Apple que uma pessoa levaria anos até conhecer todos! Além disso, o metrô funciona 24 horas por dia, 7 dias por semana.

A cidade, um dos maiores centros urbanos do mundo contemporâneo, é o símbolo da modernidade e riqueza. Durante o século XX, tornou-se a menina dos olhos de banqueiros, empresários e investidores. Todos que conseguissem uma oportunidade em Nova York seriam vistos como vencedores.

Outra coisa que atrai muitos turistas a essa cidade são as lojas e outlets onde podemos encontrar as marcas mais famosas do mundo, com produtos para todos os gostos. Aliás, muitas pessoas viajam a Nova York com o objetivo único de comprar. De fato, os preços dos produtos em geral são ótimos, e, com o dólar mais barato que a libra, Londres foge um pouco do roteiro de viagens para compras.

Para aqueles que preferem passeios culturais, Nova York é o endereço de alguns dos melhores museus do mundo: o Metropolitan Museum of Art (MET), o Museum of Modern Art (MoMa) e o American Museum of Natural History.

A cidade também abriga pontos icônicos como a Estátua da Liberdade, o Central Park e a Times Square. Vale a pena, também, conferir o melhor do teatro na Broadway, que já foi palco de grandes musicais como O Fantasma da Ópera, Os Miseráveis e A Bela e a Fera.


A Grande Londres

Como toda megalópole, a cidade possui um ritmo agitado. Mas devido a sua extensa área verde (40% do total do território), você pode sempre fazer uma pausa e escapar da correria em um dos parques ou jardins londrinos.

Essa antiga cidade tem muita história para contar. Durante o século XIX, Londres foi a maior cidade do planeta e também a capital das finanças e do comércio internacional. A cidade teve ampla participação em importantes eventos históricos, como a Primeira Revolução Industrial. Além disso, grande parte de seu território foi destruído pelos ataques aéreos dos alemães durante a Segunda Guerra Mundial.

Por isso, os turistas de Londres podem desfrutar de vários museus e galerias, como o British Museum, o National History Museum, a National Gallery, o Tate Britain ou Tate Modern de graça. É isso mesmo.

No quesito vida noturna, Londres não fica atrás de Nova York. Assim como a Big Apple, Londres também oferece várias opções de bares, boates e restaurantes. Além de tudo, a cidade é palco dos maiores shows de música todos os anos.

Por falar nisso, a música está muito associada à cultura londrina. Que fã de rock não tem vontade de conhecer a famosa Abbey Road, rua que estampou a capa do disco de mesmo nome, dos Beatles? A Inglaterra é o polo mundial do rock 'n' roll, e é em Londres que você encontra os principais locais em que as bandas se reuniam, em que contratos foram assinados, os pubs onde os artistas bebiam cervejas e as casas deles. 

Para os apreciadores de grandes construções, atrações como o Big Ben, a Tower Bridge, e a London Eye não podem ficar de fora do roteiro.

Os fãs de cultura geek também não ficarão desapontados. O museu de Sherlock Holmes, localizado na Baker Street, e a plataforma 9 ¾ da estação ferroviárioa King's Cross são ótimas sugestões. É possível, inclusive, visitar o estúdio da Warner Bros. onde foram gravados os filmes do Harry Potter.

Londres também oferece passeios para quem admira a realeza. Você pode conhecer o Palácio de Buckingham, residência oficial da monarquia britânica, e o Palácio de Westminster, sede do parlamento. 


E se depois desse post você ainda não conseguiu decidir-se para onde ir, aqui vai uma dica: visite as duas cidades! Isso vale também para aqueles que já escolheram sua favorita, pois conhecer novos lugares é sempre uma boa ideia.

E o primeiro passo para aproveitar ao máximo essa experiência é estar com o inglês afiado. Sorte que temos a solução perfeita para isso.

Artigos Relacionados

Do seu jeito, em qualquer lugar!

O curso acompanha seu ritmo, tanto na sua vida, quanto no seu aprendizado. É você quem lidera sua forma de aprender.

A1, B2? Entenda seu nível de fluência!

Entenda em que nível de proficiência você se encontra. O Quadro Comum Europeu de Referência para Línguas (CEFR) é a nossa base.

AMEAI

Na AMEAI, você ouve, fala, lê, escreve, tem conhecimentos gramaticais, vê vídeos, acessa o vocabulário e curiosidades a respeito do idioma estudado.