Trip Tips: Férias Internacionais


Os melhores destinos para você treinar seu Inglês durante as férias

A melhor maneira de praticar seus conhecimentos em Inglês e testar sua confiança na hora de falar é conversar com nativos de países onde o Inglês é a língua oficial. Por isso, economizar para fazer uma viagem internacional é um superinvestimento! 

Esqueça Londres, Nova Iorque e as grandes capitais internacionais. Na maioria das vezes, cidades muito grandes, além de não serem a opção mais barata, abrigam pessoas de todos os cantos do mundo, o que aumenta suas chances de se deparar com o Inglês de indianos, turcos, espanhóis, mexicanos e até brasileiros.

Dependendo da cidade que você escolher como destino, o sotaque característico daquela região pode facilitar ou dificultar seu entendimento. Mas não se preocupe, nós listamos os melhores lugares para quem quer treinar inglês (de todos os tipos), enquanto aproveita as férias!


San Francisco, E.U.A.

Uma das maiores cidades norte-americanas, San Francisco foge do padrão das cidades grandes que estamos acostumados: lá você encontra os hábitos mais saudáveis do país, com abundantes mercados orgânicos de agricultores, restaurantes que oferecem as mais diversas opções de comida vegetariana e vegana, inúmeros parques e ciclovias. Ah, e vá sem preconceitos. San Francisco é referência para o movimento hippie e o movimento LGBT+, então espere encontrar muita cordialidade, lojas de moda e arte contemporânea.

Além de ter como cenário o mar do Pacífico, a cidade californiana não deixa a desejar no quesito turismo. Recheada de bela arquitetura, música, gastronomia, clima ameno e boas compras, não vai faltar lugares para você treinar o inglês, cujo sotaque mais se aproxima daquele que você escuta nas aulas.


Glasgow, Escócia

Cenário de muitos filmes e séries de medievais, o sotaque que você encontrará em Glasgow será parecido com o de Jorah Mormont, de Game of Thrones. Apesar de não ser capital, Glasgow é a maior cidade da Escócia e a terceira maior do Reino Unido. Grande polo cultural, sua arquitetura vitoriana e art nouveau farão você pensar que foi transportado para o século XVIII.

Em Glasgow, é possível visitar diversos museus e galerias de arte durante o dia, como o museu Kelvingrove, o The Burrell Collection, o GoMA e o Riverside Museum. Também, podemos desfrutar de uma animada vida noturna, com lojas e bares que ficam abertos até altas horas de domingo.


Jeffreys Bay, África do Sul

A África do Sul é um destino que geralmente foge do roteiro de brasileiros que desejam ir ao exterior. Entretanto, o país abriga grandes tesouros e pode oferecer os mais diferentes sotaques de inglês que você já ouviu. Jeffreys Bay, mais famosa por ser uma das etapas do Mundial de Surfe, é um desses tesouros.

A pequena cidade possui um ritmo bem diferente das grandes cidades sul-africanas: o comércio fecha cedo, existem poucos táxis e não há muitas opções de passeios. É o destino ideal para quem deseja passar as férias em um local tranquilo, perto do mar, praticando surfe e inglês. E, se esportes aquáticos não são a sua praia, você pode aproveitar de outras formas. A cidade oferece ótimas opções de compras e restaurantes. Ah, e vale a pena assistir aos golfinhos pouco antes do sol nascer e o show noturno das ondas que brilham por causa dos plânctons.


Galway, Irlanda

Para quem deseja conhecer a genuína cultura irlandesa, Galway é o destino certo. A cidade transborda história e tradição e não é à toa que os próprios habitantes a consideram “a cidade mais irlandesa do país”.

Galway recebe uma série de festivais durante todo o ano que abordam os mais variados assuntos: comida típica, arte, cinema, música... Apesar da cara de interior, a cidade é lar de algumas das maiores universidades da Irlanda, possui uma atmosfera boêmia e festiva. E como toda cidade tradicional irlandesa, não faltam opções de pubs para desfrutar boas cervejas.


Bristol, Inglaterra

Para os amantes do sotaque britânico, Bristol não pode ficar de fora do roteiro. Eleita a melhor cidade para se morar no Reino Unido, Bristol possui até moeda própria, a Libra de Bristol!

Centro de criatividade e cultura, Bristol transborda história. A cidade traz uma variedade de galerias de arte, cafés e pontos com música ao vivo. Além disso, é famosa por sua arte de rua, que atrai artistas do mundo todo para observar os grafites de seus muros. E para quem gosta de passeios alternativos, que tal conhecer a cidade em um voo de balão? Em Bristol, isso é possível (por 100 libras).


Brisbane, Austrália

Intitulada de a “Cidade Dos Dias Ensolarados”, Brisbane possui um clima de cidade do interior, mas com todos as vantagens que uma metrópole oferece. A cidade atende a todos os gostos: é repleta de museus, galerias e feiras ao ar livre, além de oferecer diversas opções de shopping centers e restaurantes.

Para quem deseja desfrutar da praia durante as férias, em Brisbane é possível aproveitar a praia artificial que foi construída no meio da cidade, ou fazer um bate-volta de trem até Gold Coast para visitar suas lindíssimas praias. Vale a pena conhecer também um pouco da flora tropical australiana no Jardim Botânico, visitar a Queensland Art Gallery e suas pinturas contemporâneas e divertir-se nos blocos do Carnaval de Brisbane, em setembro. Sem dúvida, a redação EFI adora esta cidade, que está no topo da lista de “lugares para conhecer”!


E aí, já decidiu qual desses destinos você escolheria para passar as próximas férias? Ou ainda não consegue se comunicar no idioma mais internacional do mundo? Clique aqui e conheça nosso Módulo Travel, especialmente preparado para quem não quer fazer feio na viagem para o exterior.

Artigos Relacionados

Do seu jeito, em qualquer lugar!

O curso acompanha seu ritmo, tanto na sua vida, quanto no seu aprendizado. É você quem lidera sua forma de aprender.

A1, B2? Entenda seu nível de fluência!

Entenda em que nível de proficiência você se encontra. O Quadro Comum Europeu de Referência para Línguas (CEFR) é a nossa base.

AMEAI

Na AMEAI, você ouve, fala, lê, escreve, tem conhecimentos gramaticais, vê vídeos, acessa o vocabulário e curiosidades a respeito do idioma estudado.